Publicado em Meus textos, Minha vida

Adeus, Bob

Este era o meu cachorrinho Bob, que morreu nesta manhã, dia 29-11-11! Bob, você sempre estará em meu coração, pois foi um dos cachorros mais fofos e atenciosos que tive. Deus sabe de todas as coisas e eu sei que para algumas pessoas chorar por animais pode parece besteira, mas saiba que não ligo, pois te amava muito e sei que você sentia e que via a gente com os olhos puros e inocentes! Cachorro tem pele, osso, coração e ALMA, e chega a ser mais amigo que muitos humanos por aí!

Adeus, Bob! Sempre será lembrado! Te amo! :/

PS: Ele morreu por causa de alguma besteira que comeu e fez mal ao estômago. :/

Loiana Carla

Anúncios

Autor:

''O que sou então? Sou uma pessoa que tem um coração que por vezes percebe, sou uma pessoa que pretendeu pôr em palavras um mundo ininteligível e um mundo impalpável. Sobretudo uma pessoa cujo coração bate de alegria levíssima quando consegue em uma frase dizer alguma coisa sobre a vida humana ou animal.” Clarice Lispector

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s